História do Hambúrguer

Categorias:Hambúrguer
zelir-admin

Talvez a história do hambúrguer pode remeter a muitos mitos sobre o assunto, mas a própria história nos traz diversos elementos que podem dar uma ideia clara de quem, quando, onde e por que ele foi inventado. Confira estes elementos históricos:


Quem inventou o hambúrguer?

Existem relatos sobre a história do hambúrguer, que ele foi inventado nos Estados Unidos, por imigrantes alemães, que embarcaram no porto da Hamburgo rumo aos Estados Unidos. Note a semelhança com o nome do hambúrguer…

Mas antes de oficializar a invenção do hambúrguer em 1904, também deveríamos levar em conta que antes disso, surgiram seus ingredientes principais que são o pão e a carne moída, ingredientes inventados antes de sua junção. A invenção da carne moída vem do século XVII, quando tribos nômades da Asia Ocidental, conhecidas com Tártaros, desenvolveram a técnica de moer carne bovina dura e de má qualidade, para torná-la mais digerível. Quanto ao pão, este foi inventado a mais de 12 mil anos, segundo os historiadores.

Neste meio tempo, em algum momento entre o século XVII e o XIX, dentre estes 200 anos, alguém pode ter juntado estes ingredientes, mas não pensou em oficializar a fórmula e a data real de sua descoberta, pode ter ocorrido bem antes de 1904, desta forma, há relatos de um inglês chamado de Jhon Montagu, intitulado como quarto conde na cidade de Sandwich na Inglaterra, apontado como o primeiro inventor do lanche, pois em 1762, ele teria experimentado carne moída, entre duas fatias pão, durante uma de suas partidas de bridge, jogo de cartas popular entre os britânicos, conforme narra o livro Hambúrguer: uma história global, escrito por Andrew F. Smith, professor de história da culinária em Nova York.

Conforme relatos de historiadores, os primeiros a apreciarem o hambúrguer nos Estados Unidos, foram os marinheiros, para mastigarem algo enquanto trabalhavam arduamente.


Quando o hambúrguer foi inventado?

De acordo com alguns relatos sobre a história do hambúrguer, aparentemente, ele surgiu no final do século XIX, porém foi popularizado através de redes de lanchonetes especializadas no assunto, no início do século XX, nos Estados Unidos.

Em 1904, nos Estados Unidos, na feira mundial de Saint Louis, capital de Missouri, foi apresentada oficialmente esta iguaria ao público americano, esta iguaria que trinta anos depois iria se tornar um verdadeiro simbolo do país: o hambúrguer.

1904-wolrdsfair


Onde foi inventado hambúrguer?

Por ter sido apresentado oficialmente na feira mundial de Saint Louis nos Estados Unidos, mesmo que trazido por imigrantes alemães de Hamburgo na Alemanha, quem levou a fama da invenção e todos os créditos, foram os americanos.

Foi também nos Estados Unidos, em 1921, que surgiu a primeira franquia de lanchonetes com o nome de White Castle, para comercializar hambúrgueres cozidos a vapor e cebola, por apenas 5 centavos de dólar. Assim por ter um valor bem acessível, logo o hambúrguer se tornou ainda mais popular.

As primeiras lanchonetes eram pequenas e com até 2 funcionários que faziam de tudo, entre preparar o hambúrguer e registrar as vendas, porém, 10 anos depois, isso mudou de tal forma que foram criados os drive-ins com grandes estacionamentos, para dar conta dos motoristas famintos, geralmente acompanhados de suas famílias.

white-castle


Por que o hambúrguer foi inventado?

Conforme narra a história do hambúrguer, ele foi criado para suprir uma necessidade da época, onde as pessoas estavam como menos tempo livre para preparar seus alimentos, devido ao grande avanço da industrialização nos Estados Unidos e uma grande demanda de trabalho, com isso os cidadãos americanos tinham muito trabalho e menos tempo para preparar suas refeições, por este motivo houve a necessidade de criar um tipo de comida rápida e fácil de preparar, hoje popularmente conhecida como fast food. Então foi criado o hambúrguer, que na época continha apenas pão e carne moída. Esta invenção deu tão certo, que ela continua presente na vida da maioria das pessoas que costumam comer em lanchonetes de fast food nos dias atuais.

hora do lanche - 1932


Curiosidades sobre o hambúrguer:

Foi também em meados de 1929 que criaram o personagem J. Wellington Wimpy (DUDU) do desenho Popeye, que usava a frase: “Pagarei com prazer na terça, pelo hamburguer de hoje!” (em inglês “I’ll gladly pay you tomorrow for a hamburger today”). Dudu foi criado pelo cartunista Elzie Crisler Segar bem antes do marinheiro Popeye.

Goons-e-popeye-23+jun+1938-DM-1

Para os fans de Star Wars, a nave estelar Millennium Falcon projetada por George Lucas, foi baseada no formato de um hambúrguer.

millennium falcon


A evolução do hambúrguer:

Com a revolução industrial no início do século XX, houve uma demanda e popularização de comidas rápidas para trabalhadores das grandes cidades. Pessoas com jornadas de trabalho cada vez mais extensas, comer um sanduíche passou a ser a opção mais prática, apesar de pouco nutritiva.

Mas a idéia de colocar outros recheios no pão é bem mais antiga. Vem de antes de Cristo, desde os rituais de Pessach, a páscoa judaica, onde ja se fazia uma mistura de pão com alguns tipos de embutidos. Em inúmeras culturas, ja se comia pão misturado com alguma coisa; o próprio formato e a proposta da criação do pão, favorece isto.

Sendo assim, com o passar dos anos, após a popularização do hambúrguer, a variedade de sanduíches e seus recheios aumentou com o surgimento das grandes redes mundiais de fast food. A partir da fórmula básica de carne moída e pão, surgiram variações e o sanduíche ganhou apelidos diferentes, de acordo com o recheio introduzido nele.

Com o passar dos anos, a rede White Castle que comercializava hambúrgueres cozidos a vapor e cebola, por apenas 5 centavos de dólar, inspirou outros investidores a abrirem outras franquias de fast food, como lanchonetes e drive-ins.

Já no Brasil, este iguaria chegou décadas mais tarde de sua descoberta, em 1952 no Rio de Janeiro, através do tenista americano Robert Falkenburg, foi fundada a primeira lanchonete de fast food no Brasil, que utilizava os mesmos moldes norte americanos.

Com a concorrência cada vez maior, também aumentaram a variedade de recheios que poderiam acompanhara o pão com hambúrguer, foram incluídos posteriormente, alface, tomate, picles, mostarda, catchup, bacon e uma infinidade de outros ingredientes para satisfazer o gosto da clientela que está cada vez mais exigente.


O hambúrguer nos dias atuais:

Atualmente os hambúrgueres, que caíram no paladar do mundo inteiro, são vendidos em franquias espalhadas praticamente em todos os países.

Mas recentemente, e em especial nas últimas duas décadas, as exigências e o refinamento do paladar dos consumidores têm se aprimorado juntamente com a valorização e o reposicionamento da gastronomia brasileira. Entre os mais queridos do fast food, sem dúvida o hambúrguer é o grande líder nesse quesito.

Hoje em dia, as pessoas buscam receitas menos gordurosas e mais equilibradas, com o emprego de insumos mais nobres, combinações criativas e com características gourmet.

Desta forma, foram criados outros tipos de hambúrgueres para um público ainda mais variado e mais exigente, incluindo receitas de chefs de restaurantes renomados para que o hambúrguer, possa alcançar todos os tipos de públicos e satisfazer todos os tipos de paladares.


Tipos de hambúrgueres:

Os tipos de hambúrgueres são diferenciados pela forma de preparado.

Desta maneira podemos classificar os tipos de hambúrgueres em:

Gourmet: Basicamente são sanduíches que utilizam receitas pontuais, refinadas, que não são encontradas facilmente em nenhum outro fast-food da categoria. O termo gourmet está diretamente ligado ao tipo de ingrediente, sua qualidade e origem. Desta forma um hambúrguer gourmet é um sanduíche diferenciado, considerado especial, sofisticado ou premium.

Vegetariano: Não utiliza nenhum tipo de carne animal.

Tradicional: Utiliza os ingredientes tradicionais, encontrados na maioria dos fast-food da categoria.

Caseiro: Feito artesanalmente, geralmente em casa com ingredientes comprados no mercado ou açougue.

Light: Na receita, utilizam-se ingredientes de baixa caloria.

Estes são os fatos que contribuíram para entender melhor a história do hambúrguer, bem como sua trajetória evolutiva, conceitual e comercial.